Caligrafia para a 2ª Fase OAB. Muita gente tem dúvidas sobre treinamento da escrita, sobre o qual falamos ontem, para redigir a peça profissional. Vários oabeiros demonstram preocupação no que tange aos cuidados com a caligrafia na 2ª Fase OAB. Não tenha medo se sua letra é feia ou se escreve com letra de forma. O importante, como veremos a seguir, é se fazer legível e perfeitamente compreendido. Não custa nada a gente reforçar o tema em uma segunda postagem sobre o assunto neste momento de preparação para a fase decisiva do 39º Exame de Ordem e se perguntar Como está a sua caligrafia para a 2ª Fase OAB?.

    Como está a sua caligrafia para a 2ª Fase OAB?

    Pergunta comum é “minha letra é feia, tem problema?”. Tem sim. O edital é claro quando fala em LETRA LEGÍVEL. Normalmente, a estética textual interfere no entendimento do que se escreve. Sendo assim, o recomendável é que você escreva o mais legível possível. Se necessário for, mude seu estilo de escrita o quanto antes.

    Letra de forma pode?

    Pode. Muita gente é acostumada a redigir textos com letra de forma e por isso nos fazem esta pergunta. Novamente, buscamos a resposta no Edital do 39º Exame de Ordem e nada existe lá que proíba você de fazer sua peça em letra de forma. O cuidado maior é a LEGIBILIDADE. Se está legível, manda brasa e faça a sua peça.

    O que diz o Edital

    “As provas prático-profissionais deverão ser manuscritas, em letra legível, com caneta esferográfica de tinta azul ou preta, não sendo permitida a interferência e/ou a participação de outras pessoas, salvo em caso de examinando com deficiência que solicitou atendimento especial para esse fim, nos termos deste edital. Nesse caso, o examinando será acompanhado por um agente devidamente treinado, para o qual deverá ditar o texto, especificando oralmente a grafia das palavras e os sinais gráficos de pontuação”.

    Share.